Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Discussões sobre numismática que não se enquadrem nos restantes forums

Moderador: Moderador de Honra

Avatar do Utilizador
Mmatos
Reinado D.Afonso VI
Mensagens: 699
Registado: segunda nov 08, 2004 4:35 pm
Localização: Lisboa/Caxias
Contacto:

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor Mmatos » domingo nov 26, 2017 5:23 pm

jdickson Escreveu:Gostaria de perguntar aos que utilizam alvéolos autocolantes, se têm o mesmo problema que eu:
-TODAS as minha moedas guardadas por períodos relativamente longos (> 1 ano, sendo o efeito proporcional ao tempo de guarda), apresentam uma redução acentuada do brilho de cunhagem. Esta redução é BRUTAL no caso das moedas proof, ao ponto da superfície espelhada deixar de o ser.


Ontem estive a guardar moedas e reparei que este problema está a aparecer nas moedas novas de euro. Só que existe um dado que pode ajudar a esclarecer a situação: sempre que saem moedas novas compro dois exemplares, ficando um para a colecção e outro guardado para futuras trocas. São os dois colocados em alvéolos de agrafar, indo o da colecção para um álbum com folhas da Leuchturm e o outro guardo-o numa caixa em plástico, ficando ambos dentro do mesmo armário onde mantenho uma atmosfera controlada entre 35 e 40 % de humidade relativa. A diferença é que as moedas guardadas nas folhas (e dentro do alvéolo) estão a criar a tal película que o jdickson refere, enquanto que as guardadas na caixa plástica (e também dentro do alvéolo) estão impecáveis e com o brilho integral. Começo a desconfiar que as tais folhas que a Leuchturm diz que são inertes, não sejam assim tão "puras" como apregoam (faz-me lembrar a aldrabice que fizeram com as emissões poluentes dos Wolkswagen). Essas folhas quando saem da embalagem e mesmo depois, têm um cheiro característico que é idêntico às antigas folhas de PVC para guardar moedas e que provocavam aquela característica "gosma" na superfície das mesmas. Será que o problema é das folhas ?? :1zhelp:

jdickson
Reinado D.Sancho I
Mensagens: 2876
Registado: domingo dez 12, 2010 10:27 pm

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor jdickson » segunda nov 27, 2017 7:43 pm

Mmatos Escreveu:
jdickson Escreveu:Gostaria de perguntar aos que utilizam alvéolos autocolantes, se têm o mesmo problema que eu:
-TODAS as minha moedas guardadas por períodos relativamente longos (> 1 ano, sendo o efeito proporcional ao tempo de guarda), apresentam uma redução acentuada do brilho de cunhagem. Esta redução é BRUTAL no caso das moedas proof, ao ponto da superfície espelhada deixar de o ser.


Ontem estive a guardar moedas e reparei que este problema está a aparecer nas moedas novas de euro. Só que existe um dado que pode ajudar a esclarecer a situação: sempre que saem moedas novas compro dois exemplares, ficando um para a colecção e outro guardado para futuras trocas. São os dois colocados em alvéolos de agrafar, indo o da colecção para um álbum com folhas da Leuchturm e o outro guardo-o numa caixa em plástico, ficando ambos dentro do mesmo armário onde mantenho uma atmosfera controlada entre 35 e 40 % de humidade relativa. A diferença é que as moedas guardadas nas folhas (e dentro do alvéolo) estão a criar a tal película que o jdickson refere, enquanto que as guardadas na caixa plástica (e também dentro do alvéolo) estão impecáveis e com o brilho integral. Começo a desconfiar que as tais folhas que a Leuchturm diz que são inertes, não sejam assim tão "puras" como apregoam (faz-me lembrar a aldrabice que fizeram com as emissões poluentes dos Wolkswagen). Essas folhas quando saem da embalagem e mesmo depois, têm um cheiro característico que é idêntico às antigas folhas de PVC para guardar moedas e que provocavam aquela característica "gosma" na superfície das mesmas. Será que o problema é das folhas ?? :1zhelp:


Essa diferença detectada é muito suspeita e não pode ser ignorada, é claro. Mas, nesse caso, à partida seriam os alvéolos de agrafar os mais permeáveis (em todos os sentidos) a que isso acontecesse. Ora, a minha experiência até agora com os Harteberger tem sido claramente superior aos da Leuchtturm, quer em versão autocolante, quer em versão autocolante agrafada (ou seja, alveólos autocolantes mas utilizados como se de agrafar se tratatassem); embora com uma excepção: no tamanho de 35 mm da Harteberger, as moedas têm ganho a mesma película que os Leuchtturm. Será que utilizaram material diferente dos outros? Que confusão...
De qualquer forma, há um aspecto relativamente tranquilizador em relação a este problema: até agora, a película que se deposita à superfície das moedas sai integralmente com acetona, sem deixar sequelas, mesmo nas moedas de cobre.

Avatar do Utilizador
Mmatos
Reinado D.Afonso VI
Mensagens: 699
Registado: segunda nov 08, 2004 4:35 pm
Localização: Lisboa/Caxias
Contacto:

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor Mmatos » segunda nov 27, 2017 9:04 pm

jdickson Escreveu:Essa diferença detectada é muito suspeita e não pode ser ignorada, é claro. Mas, nesse caso, à partida seriam os alvéolos de agrafar os mais permeáveis (em todos os sentidos) a que isso acontecesse.


Mas aqui o estranho, é que tenho duas moedas em alvéolos iguais e no mesmo ambiente, só que uma está dentro de uma folha do álbum e a outra não. A do álbum cria a película e a outra está como se tivesse acabado de sair da cunhagem.

jdickson Escreveu:De qualquer forma, há um aspecto relativamente tranquilizador em relação a este problema: até agora, a película que se deposita à superfície das moedas sai integralmente com acetona, sem deixar sequelas, mesmo nas moedas de cobre.


Isso é uma boa informação. Lá terei que meter mãos à obra. O problema é o que farei com a moeda depois do "banho". Volto a colocá-la nas folhas da Leuchthurm ?? Meu rico verniz banana... estes problemas não aconteciam...

jdickson
Reinado D.Sancho I
Mensagens: 2876
Registado: domingo dez 12, 2010 10:27 pm

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor jdickson » quinta nov 30, 2017 10:46 pm

Mmatos Escreveu: Meu rico verniz banana... estes problemas não aconteciam...


Absolutamente!
Gostava de ver alguns dos detractores do verniz, sem nunca o terem usado, a confrontarem-se com este tipo de problemas e a olhar para as moedas envernizadas, imaculadas... :signhere:

Avatar do Utilizador
fernanrei
Reinado D.Sancho II
Mensagens: 1972
Registado: terça mar 28, 2017 8:00 pm

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor fernanrei » sexta dez 01, 2017 8:02 pm

jdickson Escreveu:
Mmatos Escreveu: Meu rico verniz banana... estes problemas não aconteciam...


Absolutamente!
Gostava de ver alguns dos detractores do verniz, sem nunca o terem usado, a confrontarem-se com este tipo de problemas e a olhar para as moedas envernizadas, imaculadas... :signhere:

Caro ilustre, pessoalmente penso que nas moedas soberbas um verniz adequado fica muito bem :D desde que não se abuse e isso não influencie a naturalidade do aspecto da moeda. Antes isso que perder o brilho de cunhagem, mas uma manutenção regular com vaselina liquida neutra também consegue preservar esse tipo de moedas de uma forma imaculada.. :thumbupleft:
:D FMMRei :D

pedro7x
Sou só um euro caloiro
Mensagens: 1
Registado: quinta mar 08, 2018 4:42 pm

Re: Problema grave de conservação de moedas em alvéolos

Mensagempor pedro7x » quinta mar 08, 2018 5:36 pm

Caros Colegas,

Acredito que o problema pode ter sido ocasionado pelo uso de um coin holder cuja a parte plástica utilize PVC. Esse tipo de material não deve ser usado para armazenar moedas por um longo período de tempo pois, ele solta um filme sobre a moeda.

A sugestão de tratamento é a que você já identificou como sendo a mais eficiente, o uso de acetona. E, conforme podemos ver na própria sugestão de conservação do Banco Central do Brasil, não prejudica a moeda:

https://www.bcb.gov.br/htms/mecir/mcome ... Moedas.asp

Existem várias fontes disponíveis na Internet que abordam o tema. Uma que sugiro a leitura é a abaixo (em inglês):

https://www.ngccoin.com/news/article/14 ... ontain-PVC

Essa fonte e várias outras sugerem o uso de coin holder cuja a parte plástica seja feita de mylar, que é conhecido por ser um material que não tem esse problema. Outros dois materiais que algumas fontes citam como sendo seguros também são polietileno ou polipropileno.

É possível ver também que muitas fontes desaconselham o uso de coin holder com adesivo, visto que a composição deles com o tempo pode prejudicar a moeda.

Por último, alguns especialistas desaconselham o uso de verniz, sendo que algumas agências de qualificação se recusam a qualificar moedas que tenham sido tratadas com o mesmo. Uma sugestão alternatiza é o uso de cera microcristalina, conforme o guia de conservação do Banco Central do Brasil sugere.


Voltar para “Numismática em geral”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes