Concurso melhor compra do ano

Discussões sobre numismática que não se enquadrem nos restantes forums

Moderador: Moderador de Honra

Avatar do Utilizador
JPMatos
Reinado D.Afonso II
Mensagens: 2325
Registado: terça mar 08, 2011 2:58 pm
Localização: Évora
Contacto:

Concurso melhor compra do ano

Mensagempor JPMatos » quinta dez 08, 2011 4:39 pm

Boa tarde.
Estive a pensar em fazer um concurso da melhor compra do ano,já que este ano está quase no fim.
Aqui devem colocar a moeda que mais gosto vos deu comprar.
As regras são as seguintes:

#Participação.
-Todos podem participar se tiverem mais de 15 dias de registo.
-Devem ser colocadas apenas moedas compradas este ano.
-A descrição devem ser completas,sem exceder 50 linhas .
-As moedas participantes podem ser de todos os materiais época e países.
-Os participantes devem votar,caso não se verifique a sua pontuação será penalizada no total de 20%.


#Data.
-O prazo limite de postagem de moedas é ás 23:59h do dia (24 de Dezembro).
-O período em são autorizadas votações será compreendido entre o dia de Natal(25 de Dezembro) até ás 23:59h do dia 31 de Dezembro.


#Pontuação.
-Os valores de pontuação são:
10 pontos.
8 pontos.
6 pontos.
5 pontos.
4 pontos.
3 pontos.
2 pontos.
1 ponto.




Boa sorte :D :D :D :clap3: .
Cumprimentos,JPMatos.
:fcp: :fcp: .

Avatar do Utilizador
antoniopereira
Reinado D.Afonso II
Mensagens: 2047
Registado: terça nov 23, 2010 3:52 pm
Localização: Florianopolis-Brasil

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor antoniopereira » quinta dez 08, 2011 9:37 pm

Para mim minha melhor compra este ano foi este denário de Nero , não só pelo aspecto como pelo preço $220,00.
RIC 62, 17mm e 3,07gr
anv:Nero com a cabeça laureada à direita e as legendas:nero caesar avgustvs
rev:templo de vesta com seis colunas e um domo com a estatua de vesta dentro e com o nome Vesta acima

Imagem

rodrigoleite
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 5135
Registado: terça jul 21, 2009 12:55 am
Localização: Rio de Janeiro, Brasil

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor rodrigoleite » sexta dez 09, 2011 3:10 pm

Melhor compra do ano:

Paguei apenas R$125,00:

Imagem

960 Réis
Amato/Irlei/Russo 478
AG 25.10
1820
Prata .896 / 26.9 g.
Ø 39 mm
Letra R (Rio de Janeiro)

Moeda-base:
8 Reales
KM#117.1
1820
Prata .896 / 26.9 g.
Ø 39 mm
Monograma ME (Lima)
Ensaiadores: JP
Rodrigo Leite

Scientia nvmismatica ad omnivm gentivm.

Avatar do Utilizador
JPMatos
Reinado D.Afonso II
Mensagens: 2325
Registado: terça mar 08, 2011 2:58 pm
Localização: Évora
Contacto:

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor JPMatos » sexta dez 09, 2011 7:16 pm

Esta foi a compra que mais gosto me deu adquirir,custou-me apenas 40€.




Imagem .

Moeda:Dinheiro tornês.
Material:Bolhão rico.
Data de cunhagem:N/D (1285-1290
Magistrado:Filipe IV de França (1285-1314).
Anverso:+TVRONVS CIVIS,Santo Sepulcro(Regularmente confundido com um castelo).
Reverso:+PHILIPPVS REX.
Peso:1,30 gramas.
Diametero:19mm.
Estado de conservação:MBC.




Filipe IV.
Filipe IV de França, cognominado o Belo, o rei de Mármore ou o rei de Ferro (Fontainebleau, 1268 – Fontainebleau, 29 de Novembro de 1314) foi rei de França de 1285 até a sua morte, o décimo primeiro da chamada dinastia dos capetianos diretos. Por casamento com Joana I de Navarra foi também rei de Navarra e conde de Champagne de 1284 a 1305.
O cognome o Belo deve-se à sua extraordinária beleza, segundo relatos contemporâneos. Também apelidado pelos seus inimigos e admiradores de o rei de Mármore ou o rei de Ferro, foi notável pela sua personalidade rígida e severa. Um dos seus mais ferozes oponentes, o bispo Bernardo Saisset de Pamiers, disse sobre o rei: «Não é um homem nem uma besta. É uma estátua».
Filipe IV foi um rei polémico, estando na origem da tentativa de deposição do papa Bonifácio VIII e da transferência do papado para a cidade de Avinhão, e criando as condições para, algumas décadas depois da sua morte, a eclosão da Guerra dos Cem Anos. No seu reinado suprimiu a Ordem dos Cavaleiros Templários a 13 de Outubro de 1307, facto que provavelmente esteve na origem da superstição de as sextas-feiras dia 13 serem dias aziagos.


Imagem .


Santo Sepulcro.
A Basílica do Santo Sepulcro é um local em Jerusalém onde a tradição cristã afirma que Jesus Cristo foi crucificado, sepultado e de onde ressuscitou no Domingo de Páscoa. Constitui um dos locais mais sagrados da cristandade.
Na sequência da destruição de Jerusalém em 70 d.C, o imperador romano Adriano visitou a cidade em 129-130, ordenando a sua reconstrução segundo um modelo que visava fazer dela uma cidade pagã chamada Aelia Capitolina. Neste sentido, o imperador ordena que o local identificado com a sepultura de Jesus seja coberto com terra e que nele fosse construído um templo dedicado a Vénus.
Em 313 o imperador Constantino decretou o Édito de Tolerância para com os cristãos (ou Édito de Milão), que implicou o fim das perseguições. Em 326, sua mãe Helena visitou Jerusalém com o objectivo de procurar os locais associados aos últimos dias de Cristo. Em Jerusalém, ela identificou o local da crucificação (a pedra denominada Gólgota) e a tumba próxima conhecida como Anastasis ("ressurreição", em grego). O imperador decidiu então construir um santuário apropriado no local, a Igreja do Santo Sepulcro. Os arquitectos inspiraram-se não nas estruturas religiosas pagãs, mas na basílica, um edifício que entre os romanos servia como local de encontro, de comércio e de administração da justiça.
Em 614, a igreja de Constantino foi destruída pela invasão dos persas que roubaram os seus tesouros. A basílica foi reconstruída pelos bizantinos.
Em 638, a cidade de Jerusalém passa para as mãos dos muçulmanos. Os primeiros líderes muçulmanos de Jerusalém revelaram-se tolerantes para com o Cristianismo. Porém em 1009 o califa fatimida Al-Hakim ordenou a destruição de todas as igrejas de Jerusalém, incluindo o Santo Sepulcro. A notícia da sua destruição foi um dos factores que estiveram na origem das Cruzadas.
Em 1099, os Cruzados tomaram Jerusalém e construíram uma nova basílica que, no seu essencial, é a que se encontra hoje no local. A nova igreja foi consagrada em 1149. Debaixo da igreja encontra-se a cripta de Santa Helena, local onde a mãe de Constantino afirmou ter encontrado a verdadeira cruz na qual Jesus foi crucificado.
Com o regresso de Jerusalém ao domínio islâmico, Saladino proibiu a destruição de qualquer edifício religioso associado ao Cristianismo. No século XIV, o local começou a ser administrado por monges católicos e por monges ortodoxos gregos. Outras comunidades pediam também a possibilidade de gerir o local (coptas egípcios e coptas sírios)
No século XVIII, procedeu-se à reparação da cúpula da Igreja do Santo Sepulcro. Em 1808 um incêndio destruiu o local e a restauração iniciou-se em 1810. Novos restauros ocorrem entre 1863 e 1868.
Em 1927 um sismo em Jerusalém causou graves estragos à estrutura.



Imagem .


Fonte:Wikipedia.[/b]
Última edição por JPMatos em sábado dez 17, 2011 11:35 pm, editado 1 vez no total.
Cumprimentos,JPMatos.
:fcp: :fcp: .

Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10858
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor tm1950 » segunda dez 12, 2011 2:39 pm

Foi uma moeda que me deu um certo gozo na sua aquisição e tenho também um especial prazer em tê-la na colecção.
Comprei-a a prestações, mas não vou mencionar o valor.
As emissões de moedas de 50 centavos e escudo, em alpaca, tiveram enorme sucesso em Portugal. A liga era de fácil cunhagem e os motivos utilizados no anverso e reverso das moedas seguiram o tradicional da época. As moedas foram muito bem recebidas pela população, sendo que talvez o aspecto da liga, ao fazer lembrar a prata, possa ter ajudado.
Estiveram em circulação de 1927 a 1982 e substituíram as notas de 500 e 1.000 réis e de 50 centavos e de escudo; as moedas comemorativas do Centenário da Índia, Guerra Peninsular e Marquês de Pombal, em prata; as moedas de escudo de 1914, 1915 e 1916, em prata, e as moedas de 1924 e 1925, em BrAl.
A liga é constituída por: Cu 610, Zn 200, Ni 190.
O total da emissão das moedas de escudo terá sido de: 45.337.205 exemplares.
A emissão da moeda de escudo, datada de 1931, terá sido de: 2.038.700 moedas.

Imagem
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

Avatar do Utilizador
doliveirarod
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 14885
Registado: terça nov 09, 2004 2:50 am
Localização: Brasil

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor doliveirarod » sábado dez 17, 2011 2:34 am

Cá está: viewtopic.php?f=57&t=45458

ImagemImagem

- Noruega
- 1280/1299 (Hakon V, Magnussun)
- Penning
- Prata
- Anv. MONETA DE ASLOIA
- V. hAQVIN DUX NORWEGIE
- ReferÊncia: N.M. 1 (catálogo norueguÊs especializado)
http://www.megaleiloes.com/leiloes.php? ... liveirarod ML - http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_14426169
"O colecionador é um homem mais feliz"
DIGA "NÃO" ÀS FALSIFICAÇÕES CHINESAS - Não colabore com mercado criminoso

tiberius
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 3462
Registado: sábado set 10, 2011 12:51 pm

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor tiberius » sábado dez 17, 2011 10:27 am

la vai a minha.
viewtopic.php?f=11&t=65429

Imagem

A justificativa é que considero uma das moedas mais bonitas da minha modesta coleção. Além do mais essa moeda me abriu os olhos para os de cobres do século XVIII e XIX. Antes só me chamavam atenção as moedas de prata.
E pra finalizar, o preço foi muito bom.

XL Réis
Cobre.
1822 R
Visite minha galeria (em construção).
http://www.forumancientcoins.com/galler ... ?cat=34492

fabricio mariquito
Reinado D.Maria II
Mensagens: 255
Registado: sexta jul 08, 2011 7:19 pm
Localização: brasil/rio de janeiro

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor fabricio mariquito » sábado dez 17, 2011 3:25 pm

a minha preferida deste ano: ort (1/4 de thaler) sigismundo lll vasa

ImagemImagem

Imagem

foi a que me deu maior alegria de adiquirir este ano ,uma moeda comum mais muito bonita ,mesmo depois de 389 anos ainda contem um bonito brilho,quando à encontrei não pude deixar passar a oportunidade .

Avatar do Utilizador
dmoura
Reinado D.Maria I
Mensagens: 477
Registado: quarta jan 19, 2011 6:47 pm

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor dmoura » sábado dez 17, 2011 5:40 pm

Considero a minha melhor compra deste ano este Pinto (480 Réis) de D. João V (1744) visto que o comprei pelo preço do seu peso em ouro num ourives ao qual a tinham vendido para derreter e ser de um reinado que muito admiro.

ImagemImagem
D. Moura

Alfonsvs
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4374
Registado: segunda abr 04, 2005 11:31 am
Localização: Barcelos - Portugal
Contacto:

Re: Concurso melhor compra do ano

Mensagempor Alfonsvs » sábado dez 17, 2011 11:22 pm

Leal de D. Duarte (ND 1436)
É um privilégio e igualmente uma responsabilidade ter na minha coleção uma moeda desta raridade.
O valor pago não o divulgo, mas se estendesse no chão em notas de dez euros o que paguei por ela dava para fazer um "grande tapete", mesmo assim muito menor que o valor real dela.
Nem nos melhores sonhos cor de rosa (numismáticos) eu pensava um dia ter esta moeda. Quando recebi a oportunidade de a comprar, reagi com grande rapidez e no dia seguinte, depois de percorrer 700 km, voltei a casa com esta grande moeda. :dance:

ImagemImagem

Refª: Gomes 05.03
Peso: 2,84 g
Diâmetro: 26 mm

LEAL de D.Duarte, ou também denominado de real de dez reais brancos, esta leal moeda de boa prata de 916,6 milésimas, foi cunhada no reinado de D. Duarte (1433-1438) tanto em Lisboa (L), como no Porto (P).
Surge a partir da reforma monetária efectuada em 1435-36, inserida no novo sistema monetário lançado por este monarca, com a finalidade de abandonar o antigo sistema das libras, soldos e dinheiros.
A liga de prata rica de 11 dinheiros de lei (916,6 milésiams) foi considerada mais leal que os anteriores reais de D. João I

No anverso vemos, ao centro, o monograma «E» coroado dentro de epiciclóide duplo octolobado, cantonado de aneletes, tendo à direita a letra monetária L (Lisboa).
Entre cercaduras peroladas a legenda:
«+DOMINE EDUARDUS REX PORT» D. DUARTE REI DE PORTUGAL

No reverso, ao centro, o escudo real coroado, assente na cruz da Ordem de Avis, cantonado de 4 castelos nos quadrantes superiores e inferiores.
Entre cercaduras peroladas a legenda:
«+CRISTES SALVANOS CRUS» CRISTO SALVA-NOS DA CRUZ
José Matos


Voltar para “Numismática em geral”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes