O ceitil de João I

Moderadores: palves, LMACHADO, numisiuris, crislaine, Jacinto Silva, Praça, Moderador de Honra

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

O ceitil de João I

Mensagempor numisiuris » terça out 31, 2017 5:20 am

E ainda dizem que não se cunharam ceitis no reinado de D. João I... Sois uns ignorantes! Frequentai Museus! :angel:
Imagem
photo upload

MCarvalho
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 7602
Registado: sexta nov 05, 2004 9:55 pm

Re: O ceitil de João I

Mensagempor MCarvalho » terça out 31, 2017 11:51 am

E ficamos a saber que a "matéria" é "metal".


(Nota: essa do ceitil de D. João já foi corrigida em 1903! http://www.patrimoniocultural.gov.pt/st ... matica.pdf)
MCarvalho

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: O ceitil de João I

Mensagempor numisiuris » terça out 31, 2017 12:45 pm

Pois, mas sabes lá tu se esses ceitis de que fala o Ferreira Braga eram de metal... :angel:

Avatar do Utilizador
palves
Reinado D.Afonso II
Mensagens: 2210
Registado: segunda jan 11, 2010 11:02 am

Re: O ceitil de João I

Mensagempor palves » terça out 31, 2017 3:25 pm

No Museu do Castelo de Vila Viçosa aparecem mais ceitis desses :)

RubenGMelo
Reinado D.Maria I
Mensagens: 472
Registado: domingo ago 04, 2013 11:09 pm

Re: O ceitil de João I

Mensagempor RubenGMelo » terça out 31, 2017 4:59 pm

MCarvalho Escreveu:E ficamos a saber que a "matéria" é "metal".


Esta é mesmo a cereja no topo do bolo!! :erofl: :erofl: :erofl: :erofl:
Cumprimentos,

Ruben Melo

Megaleilões: https://megaleiloes.pt/RubenGM/loja

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: O ceitil de João I

Mensagempor numisiuris » terça out 31, 2017 6:00 pm

Sim, porque podiam ser de sola, como as do cerco de Lisboa! Não é redundância, é rigor! :angel:

Avatar do Utilizador
luisc
Reinado D.Manuel II
Mensagens: 63
Registado: segunda jan 09, 2017 4:51 pm

Re: O ceitil de João I

Mensagempor luisc » terça out 31, 2017 7:02 pm

Por acaso já tinha visto..!! são listagens das escavações à uns anos nas alcáçovas do castelo de Montemor Novo, local que conheço muito bem...

O problema está que na maioria dos casos quem faz o trabalho são estagiários, que no terreno têm obviamente pouca experiência no reconhecimento de determinados objectos..!!, mas é normal

O que não é muito normal é depois nessa espécime de museu online aparecer erros desse tipo.

Eu não estou ligado ao tema mas vai para uns anos, ainda eu não pensava sequer em juntar moedas assisti a uma escavação de uma sepultura supostamente medieval, e supostamente de uma freira.....o curioso foi que entre os ossos da mão encontrou-se uma moeda..!! :D

Hoje recordo que a moeda era um ceitil pois lembro-me bem dos castelos,,,,(na altura sabia lá o que era aquilo :erofl: )

Mas recordo também a conversa de um deles....- Com isto é possível determinar a época do enterramento..!!!

Eu obviamente perguntei - e qual é??? :think:

- Provavelmente mesmo do inicio da reconquista cristã por Afonso Henriques

Agora passado uns 10 anos se tivesse o numero daquele rapaz ligava-lhe a dizer que o ceitil pelo tamanho deveria ser joão III ou manuel.. :erofl:

São coisas que acontecem,!! a gestão do material e informação que sai a publico é que não passa por um crivo

Avatar do Utilizador
fernanrei
Reinado D.Henrique
Mensagens: 971
Registado: terça mar 28, 2017 8:00 pm

Re: O ceitil de João I

Mensagempor fernanrei » quarta nov 01, 2017 9:37 am

Digamos que é mais uma hipotética polémica que espero ver um dia esclarecida. Quando tratam deste tipo de assuntos, é muito comum não se referir as estratégias militares dessa época, que invariavelmente juntavam o poder das armas ao económico. A primeira coisa que um soberano fazia ao ocupar novo território, era cunhar moeda, para reforçar o poder ocupacional e manter a profundidade de decisão social. A meu ver, D. João I e os seus três filhos, cunharam moeda em grandes quantidades quando conquistaram Ceuta em 1415, e terá sido quase com certeza absoluta em cobre, porque não estou a ver usar ligas nobres num território em fase inicial de ocupação. Agora pergunto, alguém conhece alguma referência a essas primeiras batidas de moeda?
:D FMMRei :D

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: O ceitil de João I

Mensagempor numisiuris » quarta nov 01, 2017 10:34 am

O primeiro documento que de que tenho conhecimento e que fala em reais pretos em Portugal é já de 1435, portanto já no Reinado de D. Duarte. O equívoco com o ceitil foi bem esclarecido em 1903 com o trabalho de Ferreira Braga, que em 1907 editou um novo artigo sobre tema conexo. Podem-se consultar os dois no arqueólogo Português: http://www.patrimoniocultural.gov.pt/pt ... portugues/

Em 1415, na minha opinião, são batidos reais de 3 libras e meia, já só em cobre, branqueados. Assim como as respectivas fracções, os que chamávamos meios reais brancos. Em 1422 talvez entre em circulação a segunda série, já assumidamente em cobre. Entre 1417 e 1421 a Europa vive um período de carência de metais preciosos, bem descrito e conhecido. A "bullion famine". Esta carência foi maior ou menor em vários períodos do séc. XV e só terminou quando se descobriram novas jazidas de metal e quando finalmente passou a chegar à Europa metal por via comercial, vindo de outras partes do mundo, já no séc. XVI. A moeda de cobre foi largamente usada um pouco por toda a Europa no século XV, sobretudo nas pequenas trocas comerciais. É curiosa a análise de certos esquemas de tráfico de moeda preta na Europa. E são curiosos certos achados de moedas Portuguesas, nomeadamente de D. João I, em França, em Inglaterra e até em Portugal, onde vulgarmente aparecem, as mais das vezes, numerosas espécies de "moeda preta". Ou "monnaie noir", como lhe chamam em França e como lhe chamavam os povos nessa altura.

Já quanto às questões militares, ocorre-me que durante o sistema de dez soldos a política de cercos tenha condicionado a quebra da moeda. Era interessante fazer uma cronologia dos cercos e cruzá-la com emissões e desvalorizações. Ceuta foi um desastre económico e custou muito a manter. O financiamento da expedição dever-se-á ter dado por via da emissão de reais e meios reais de três libras e meia (em cobre, branqueados), bem como de reais brancos (lavrados inicialmente na lei de 3 dinheiros), em 1414, ou 1415.

Avatar do Utilizador
fernanrei
Reinado D.Henrique
Mensagens: 971
Registado: terça mar 28, 2017 8:00 pm

Re: O ceitil de João I

Mensagempor fernanrei » quarta nov 01, 2017 6:48 pm

:think: o iuri tem feito muito trabalho de pesquisa, espero que continue com a dedicação que nos tem habituado :thumbupleft:
:D FMMRei :D


Voltar para “D. João I”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes