Fórum Numismática

Lugar de convívio de colecionadores de moedas, notas e outros artigos
Data/Hora: sexta ago 17, 2018 9:24 am

Hora UTC




Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 10 mensagens ] 
Autor Mensagem
MensagemEnviado: quinta nov 23, 2017 1:22 pm 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Boa tarde a todos,

Tenho o maior dos gostos em anunciar aos companheiros e amigos foristas a próxima saída do meu novo livro, intitulado “A Viagem das Insígnias. Valor e Lealdade”, cujo anúncio vai sair na Revista Moeda em distribuição.

Não versa nem moedas, nem numismática (peço desculpa, outro sairá para o ano sobre os Portugueses de ouro!) mas apenas um tipo de medalhas a que damos o nome de condecorações, neste caso, insígnias de uma prestigiada Ordem Honorífica portuguesa que desapareceu em 1834, porque foi substituída por outra com o mesmo nome , num plágio a que chamei “A Guerra das Insígnias”, ocorrido durante o cerco do Porto na guerra civil entre os Dois Irmãos, Pedro do Brasil e Miguel de Portugal.

Que tem de especial este livro? Bom, para os amantes de moedas, realmente não tem nada. No entanto, os amantes de moedas também são amantes da História por detrás dessas moedas, e aí já essa história se intersecta com a história que eu conto neste livro.

Explico melhor, transcrevendo um resumo que fiz:

«Portugueses e Brasileiros podem-se orgulhar por terem tido a mais prestigiada Ordem Militar e Honorífica da primeira metade do século XIX. Chamava-se Real Ordem da Torre e Espada, de Valor e Lealdade, tinha sido fundada pelo príncipe regente D. João em 1808, no Rio de Janeiro.
Muitos dos militares britânicos que vieram combater o invasor francês na Península sentiam por essa Real Ordem um particular fascínio, fruto do prestígio granjeado ao longo desses anos como uma Moeda de Honra, com que se pagavam os maiores serviços prestados à Coroa de Portugal.
No período mais aceso da guerra civil entre os Dois Irmãos, uma segunda Ordem Militar foi criada no Porto com o mesmo nome, da Torre e Espada, mas então do Valor, Lealdade e Mérito, numa “guerra de insígnias” desenhada pelo ex-imperador do Brasil, destinada a desacreditar a Real Ordem da Torre e Espada, cujas insígnias continuavam a ser concedida pelo rei D. Miguel I, como Grão-Mestre das Ordens Militares portuguesas.
Durante oito meses, entre Agosto de 1832 e Maio de 1833, duas Ordens da Torre e Espada com insígnias e estatutos muito diferentes coexistiram em Portugal. A sorte das armas ditou o fim da primeira Ordem e a continuidade até aos nossos dias da segunda Ordem Militar. Em Évora-Monte, a Real Ordem deixou de existir e caiu no esquecimento da historiografia portuguesa.
Até agora.
Esta é a história nunca antes contada da Real Ordem da Torre e Espada, e da viagem entre continentes das suas insígnias e medalhas de = Valor e Lealdade =»


Imagem

Mas deixemo-nos de histórias e vamos a factos (que não fatos...). A ficha bibliográfica do livro é a seguinte:
TRIGUEIROS, António Miguel. A Viagem das Insígnias. Valor e Lealdade. Lisboa: edição AMT – Autor e Editor, 2017. 384 p. cor. 21,7x30,5 mm, encadernado. ISBN 978-989-20-7974-5.

O livro vai sair já em Dezembro, início, tem uma tiragem muito limitada e custa 45 euros em preço especial de pré-lançamento aos foristas e leitores da revista Moeda. Entregue em mão, são 45 euros; por correio registado para Portugal são 48,50 euros; para a Europa são 58,50 euros; e para o Brasil e outros países são 68,50 euros.
Deixo-vos uma imagem da capa. Um “flyer” descritivo em suporte PDF poderá ser consultado no link:
http://www.estudosdenumismatica.org/docs/index.php?idConteudo=669

Antes de terminar este post, desejo fazer um pedido a todos os foristas, na colaboração na divulgação nacional e internacional desta obra, cujo tema é perfeitamente inédito na historiografia portuguesa e merece ser conhecido cá dentro e lá fora. Este livro não vai ser distribuído pelas livrarias, pela razão simples de que precisaria de ter um PVP de 150 euros...
Se quiserem enviar a notícia aos vossos contactos, o autor e editor (eu) só posso agradecer. Tenho disponível “flyers-PDF” em inglês, francês e alemão.

O meu contacto editorial é este: [url]editor@estudosdenumismatica.org[/url]
Terei todo o gosto em lidar pessoalmente com os vossos pedidos e encomendas.

Com os meus agradecimentos,

António M. Trigueiros
(eng.º)


Topo
   
MensagemEnviado: domingo nov 26, 2017 12:18 pm 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Boa tarde,

Sobre este livro, que espero receber os primeiros exemplares até ao dia 10 de Dezembro, quero acrescentar que a sua edição contou com três patrocinadores, sem os quais não teria sido possível custeá-lo:
1 - Comissão Portuguesa de História Militar, Defesa Nacional
2 - Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, Cultura
3 - Fundação Eng.º António de Almeida (Porto)

Vou dando notícias.
Cumprimentos,
A Trigueiros


Topo
   
MensagemEnviado: domingo nov 26, 2017 7:53 pm 
Desligado
Reinado D.Manuel II
Avatar do Utilizador

Registado: sábado nov 28, 2009 10:56 pm
Mensagens: 95
Localização: São Lourenço/Minas Gerais/Brasil
Parabéns pelo site e pelos livros Antônio, vi uma palestra sua no seminário de Numismática no MHN aqui no Brasil em Agosto. Seria muito bom se viesse ao Brasil mais vezes. Quem sabe palestrar nos Congressos da SNB. Abraços.


Topo
   
MensagemEnviado: segunda nov 27, 2017 9:58 am 
Desligado
Reinado D.Filipe I

Registado: domingo ago 04, 2013 11:09 pm
Mensagens: 881
Parabéns pela obra e boa sorte no seu lançamento!

_________________
Cumprimentos,

Ruben Melo

Megaleilões: https://megaleiloes.pt/RubenGM/loja


Topo
   
MensagemEnviado: segunda nov 27, 2017 12:21 pm 
Desligado
Reinado D.Afonso Henriques

Registado: sexta nov 05, 2004 9:55 pm
Mensagens: 7786
Um tema muito interessante, não só no contexto da falerística em si, mas sobretudo na reflexão sobre as transformações (usurpações...?) que o regime liberal fez sobre alguns elementos fulcrais da identidade portuguesa. É algo que, a meu ver, se tem prestado pouca atenção, talvez por questões políticas ainda reminiscentes, mas também por puro desconhecimento (era esse, aliás, o objectivo do programa de "renomeação" dos nossos costumes).

A pensar, sobretudo nos dias de hoje, em que a ideia de ser português parece se reduzir a uns acenos verdes e vermelhos em dias de futebol.

_________________
MCarvalho


Topo
   
MensagemEnviado: segunda nov 27, 2017 12:36 pm 
Desligado
Reinado D.Filipe I

Registado: domingo ago 04, 2013 11:09 pm
Mensagens: 881
MCarvalho Escreveu:
parece se reduzir a uns acenos verdes e vermelhos em dias de futebol.


E os azuis tb.... nada de descriminações!! :erofl: :erofl: :erofl: :erofl:

_________________
Cumprimentos,

Ruben Melo

Megaleilões: https://megaleiloes.pt/RubenGM/loja


Topo
   
MensagemEnviado: sexta dez 01, 2017 11:00 am 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Bom dia e bom feriado,

As notícias que tenho da gráfica dão a entender que terei os livros comigo até ao dia 10 de Dezembro próximo, pelo que os poderei expedir ainda antes do Natal, para quem estiver interessado.
Melhores cumprimentos,
António M. Trigueiros
(autor e editor)


Topo
   
MensagemEnviado: sexta dez 01, 2017 12:11 pm 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Junto envio em foto as páginas do folheto do livro publicado na Revista Moeda

ImagemImagemImagemImagem

Cumprimentos,
A M Trigueiros


Topo
   
MensagemEnviado: sábado dez 02, 2017 12:14 pm 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Fico agradecido pelas palavras dos nossos amigos do Brasil. É sempre com muita alegria que aceito convites para participar em Congressos e Seminários no Rio de Janeiro, em São Paulo ou em Brasília, nesta última cidade-capital federal só fui uma vez, por ocasião do II Congresso Luso-Brasileiro de Numismática.

Este meu novo livro é uma obra inédita, não só na historiografia portuguesa, mas também na historiografia brasileira, pois foi no Rio de Janeiro que tudo começou em 1808 e foi no Rio de Janeiro em 1818 que foi coroado o único monarca europeu nas Américas, D. João VI, rei de Portugal e rei do Brasil-Reino. Não houve outro, antes do Império.

Costumo dizer aos meus amigo, que "D. João VI foi o nosso rei brasileiro", um homem que tem sido injustamente maltratado pelos historiadores dos dois países, mas que aqui neste meu livro se revela como uma grande figura na história de Portugal e do Brasil, numa época em profunda mutação. Um monarca a quem eu mudei o cognome, passando a chamá-lo "O Bom rei Dom João".

Cumprimentos,
A M Trigueiros


Topo
   
MensagemEnviado: sexta dez 15, 2017 4:38 pm 
Desligado
Reinado D.Carlos
Avatar do Utilizador

Registado: sexta mar 29, 2013 12:11 pm
Mensagens: 122
Localização: Lisboa, Portugal
Tenho o gosto de anunciar que acabo de receber (hoje, Sexta-feira dia 15 de Dezembro), os primeiros livros.
TRIGUEIROS, António Miguel. A Viagem das Insígnias. Valor e Lealdade. Lisboa: edição AMT – Autor e Editor, 2017. 384 p. cor. 21,7x30,5 mm, encadernado. ISBN 978-989-20-7974-5.

PREÇOS: € 45,00 entregue em mão - €48,50 por correio registado em Portugal - €58,50 por correio registado Europa - € 68,50 por correio registado Brasil e resto do Mundo

Melhores cumprimentos
A Trigueiros


Topo
   
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 10 mensagens ] 

Hora UTC


Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Limited
Traduzido por: phpBB Portugal