Jóias da Numismática Brasileira.

Tudo relacionado com a numismática brasileira

Moderador: Moderador de Honra

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » terça mar 22, 2011 2:45 pm

Neste tópico propomos a criação de um arquivo de imagens (se possível, acompanhadas de comentários) de raridades da Numismática do Brasil.
Para tanto, não há a necessidade que o forista seja o proprietário da moeda! Basta que saiba; que tenha visto; que conheça um proprietário amigo, disposto a ceder fotos, para postar aqui. Assim, podemos ter um belo arquivo de fotos e informações. O mesmo, poderíamos fazer com os falsos, listando todas as moedas contrafeitas que cheguem ao nosso conhecimento.

A fim de inaugurar o tópico, colocamos como primeira moeda, um verdadeiro achado dos últimos anos. Não só pela raridade da data, mas também pelos particulares da variante e pelo excepcional estado de conservação, consideramos o exemplar a seguir, como um "diamante" da coleção brasileira...ÚNICA.

Um comentário: Devemos trabalhar sempre a fim de prestigiar a nossa numismática. Tal comentário se deve ao preço alcançado por esse exemplar (ÚNICO NO SEU GÊNERO). Os US$ 43,125.00, consideramos irrisórios (sorte de quem a arrematou). O equivalente na coleção de moedas americanas, não sairia por menos de US$ 250.000,00. Certamente, essa seria a estimativa inicial; mas iria bem além disso, estamos convencidos.

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » terça mar 22, 2011 2:47 pm

Imagem

Figura: Interessante e raríssimo exemplar de 3.200 Réis da Casa da Moeda do Rio de Janeiro, demonstrando que o cunho foi usado em três datas diferentes (data emendada). A primeira, 1754, onde se pode notar os traços do “4”. Em seguida, a data foi emendada para 1755, com os detalhes do “5” pouco visíveis. A última data, 1756, é a da moeda da foto acima.

Essa moeda foi leiloada nos EUA, pela Casa de Leilões Heritage, no mês de janeiro de 2011 (estado de conservação MS 65 - FDCE). A raridade do exemplar se deve não somente à própria moeda (são muito raras, no mercado, as moedas de 3.200 Réis), mas também ao seu excepcional estado de conservação e a particularidade das datas emendadas. A descrição do catálogo americano a define como “Gem Uncirculated”. Sem dúvida, um dos mais belos e raros exemplares de moeda brasileira que tem aparecido nos mercados nacional e internacional, nos últimos anos. Uma verdadeira jóia da nossa numismática. Foto e detalhes ampliados. Valor final de arremate: US$ 43,125.00
Última edição por numismatica_bentes em quarta set 30, 2015 10:09 am, editado 2 vezes no total.

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » terça mar 22, 2011 3:20 pm

Imagem

Figura: D. João VI - 960 Réis 1821R "SGIN" no lugar de "SIGN", na legenda (rev). Uma das mais raras e fantásticas variantes dessa moeda. Costuma aparecer no mercado, com uma frequência de oferta não inferior a 15 anos. Mais uma vez, um preço muito baixo para tão raro exemplar. US$ 17.825,00 em leilão nos EUA, em 2010.
Última edição por numismatica_bentes em quarta set 30, 2015 10:14 am, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10882
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor tm1950 » terça mar 22, 2011 3:27 pm

O AG não menciona a data de 1754 e considera a de 1755 de existência duvidosa. :thumbs:
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » terça mar 22, 2011 4:04 pm

tm1950 Escreveu:O AG não menciona a data de 1754 e considera a de 1755 de existência duvidosa. :thumbs:


Não existe, pelo menos até hoje, um exemplar do 3.200 Réis de D. José, do Rio, com data 1754. Os cunhos foram abertos com essa data, mas em seguida foram emendados para 1755. Desconhecemos se chegaram a bater algum exemplar nessa data, na Casa da Moeda do Rio de Janeiro. Como já haviam fabricado cunhos novos de 1755, o que era de 1754 (e havia sido emendado para 1755), acabou recebendo outra retificação, passando a 1756.

A data 1755 não é duvidosa! É muito rara, mas não duvidosa. O único exemplar que vimos até hoje, se encontrava em estado de conservação bc/mbc.

As moedas de 3.200 Réis de D. José são raríssimas e muito dificeis de serem encontradas no mercado. Essa da foto, é um achado excepcional. Uma das mais raras e belas moedas da coleção brasileira.

Saudações.

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » quarta mar 23, 2011 12:58 pm

Imagem

Figura: D. Pedro II (1683 - 1706) - Recolhimento de 1688, a fim de remediar o cerceio. Marca (esfera coroada) e cordão sobre 4 Cruzados, com carimbos 4 Coroado de D. Afonso VI (levantamento de 1663), e 4.400 Coroado de D. Pedro Príncipe Regente (levantamento de 1668). Essa moeda contém todas as marcas desde D. Afonso VI até D. Pedro II, passando por D. Pedro P.R.. Ex-coleção Eliasberg, leiloada nos EUA.

Avatar do Utilizador
Paul Gerritsen Plaggert
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4244
Registado: sexta fev 01, 2008 3:44 am
Localização: São Paulo -SP Brasil

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor Paul Gerritsen Plaggert » quarta mar 23, 2011 1:32 pm

Não sou entendido de carimbos, especialmente sobre essas de ouro, mas achei a esfera coroada e o 4400 um tanto quanto mal acabados e primários. Os que já vi previamente me pareceram mais bem acabados. Existe a possibilidade de carimbagem falsa também nessas peças, assim como a festa que vem acontecendo com as de prata? Sei que a coleção Eliasberg é indiscutivelmente excepcional, incluindo um 8 escudos de 1813 de ouro das Províncias Unidas do Rio da Prata, a primeira moeda da Argentina independente, raríssima. Mas não gostei do estilo desses 2 carimbos em especial. O 4 coroado me parece muito real.
PECVNiA NON OLET

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » quarta mar 23, 2011 2:42 pm

Em se tratando de carimbos coroados, tudo é possível.

Não nos arriscamos a dar autenticidade (100%) dessas peças, por diversos motivos. São como uma pintura. Mesmo que não tenha sido executada pelo artista, o que conta são o estilo, a assinatura, a procedência, sua história e uma certa dose de autenticidade conferida por críticos...uma espécie de pedigree da obra.

É justamente o que essa moeda possui !...Pedigree. Como fica muito difícil atestar a falsidade, o mais conveniente é considerá-la autêntica. Se existissem vestígios muito claros de falsificação, certamente seria uma peça a se descartar.

Fato semelhante aconteceu quando leiloaram a coleção de selos brasileiros do Ângelo Lima. Muita coisa considerada falsa (incluindo a carta de Mariana), por terem sido leiloadas pelo Feldman e pertencido à coleção do senhor Lima, terminaram por adquirir "certificado de autenticidade".

Pode ser que um, ou até mesmo dois carimbos sejam falsos? Sim, é possível...pode acontecer ! Mas é pouco provável!!! Mesmo que persista uma ponta de dúvida...fica muito difícil afirmar (neste caso) se são autênticos ou não. O cordão é uma garantia, pois ninguem iria se preocupar em colocar essa marca...só mesmo o governo. Os carimbos conferem com o que conhecemos em outras moedas e com decalques que temos. Mesmo assim, preferimos dizer que tem uma grande probailidade de serem todos autênticos.

Logicamente existem os falsos grosseiros, os quais podemos descartar imediatamente. Mas quanto aos outros, a melhor maneira é dar um bom peso à procedência da moeda. Por isso, sempre aconselhamos a JAMAIS, se desfazer de envelopes, fotos e outros documentos que ajudem a trilhar o caminho feito pelo exemplar em grandes coleções.

Avatar do Utilizador
Paul Gerritsen Plaggert
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 4244
Registado: sexta fev 01, 2008 3:44 am
Localização: São Paulo -SP Brasil

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor Paul Gerritsen Plaggert » quarta mar 23, 2011 3:00 pm

Obrigado! Sem dúvidas, a procedência e os costados da moeda tem um importantíssimo peso. Realmente acho que o 4 coroado seja verdadeiro, mas fiquei cismado com o estilo do 4400. Numa coleção de peso como a de Eliasberg, também acredito que seja uma moeda imaculada. Mas como vemos no mercado de arte, há Rembrandts, Veermers e outros grandes artistas em grandes museus e coleções que ontem foram indubitavelmente legítimos, hoje são questionáveis como obras de grandes falsários e até de alunos desses mestres.
Talvez nunca saibamos a verdade!
PECVNiA NON OLET

Avatar do Utilizador
numismatica_bentes
Reinado D.Filipe II
Mensagens: 842
Registado: quarta set 19, 2007 1:01 pm
Localização: Italia
Contacto:

Re: Jóias da Numismática Brasileira.

Mensagempor numismatica_bentes » sexta mar 25, 2011 9:04 am

Imagem

Figura: Império do Brasil - D. Pedro II (1831 - 1889) - 4.000 Réis (Pedro Menino), 1832R AZEVEDO. Da mais alta raridade (RRRRR). São conhecidos apenas 5 exemplares dessa moeda. Acervo do MVBC.
Última edição por numismatica_bentes em quarta set 30, 2015 10:18 am, editado 1 vez no total.


Voltar para “Moedas do Brasil”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes