India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Moderadores: smertola, Moderador de Honra

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor numisiuris » sábado mar 04, 2017 5:46 pm


Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor numisiuris » sábado mar 04, 2017 5:50 pm

Numisma 104:
Imagem
upload photo

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor numisiuris » sábado mar 04, 2017 6:08 pm

Numisma 108 (só há foto do anverso):
Imagem
upload photo

Monge
Reinado D.João II
Mensagens: 1157
Registado: quinta abr 26, 2012 10:59 pm

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor Monge » sábado mar 04, 2017 6:44 pm

Isto está cada vez mais confuso.
Foram emitidas 4 data pelo que será expectável encontrar, com maior ou menor frequência:
1843- Única
1845
1846
1846/5
1849
No entanto, fazendo uma pesquisa rápida na internet, encontrei muitas 1846/5 e apenas uma 1849.
Ou seja, nenhuma de 1845/1846 e apenas uma 1849.
Todas as de 1846/5 são rigorosamente do mesmo cunho. Aqui vão elas reduzidas para se ver melhor:
Heritage, Lote 32789
Imagem
Heritage, Lote 32256
Imagem
Heritage, Lote 32257
Imagem
Heritage, Lote 32525
Imagem
Morton Eeden
Imagem
Heritage, Lote 32790
Imagem
Heritage, Lote 63266
Imagem
Soc.Port. Numismatica
Imagem
Numisma Leilão 103
Imagem
Será que todas as moedas de 1846 foram feiras com os mesmo cunho emendado? Acho pouco provável.

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor numisiuris » sábado mar 04, 2017 7:52 pm

Estão aqui todas juntas, fica mais fácil. Agora vou sair e não tenho tempo para comparar. amanhã ou assim.
Imagem
upload image

Avatar do Utilizador
Netfobia
Reinado D.Pedro IV
Mensagens: 352
Registado: terça dez 26, 2006 6:10 pm
Localização: Vila Nova de Cerveira

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor Netfobia » sábado mar 04, 2017 8:15 pm

para nao haver repeticao de moedas, a minha e a Heritage, Lote 63266

PCGS XF 40 28790144

cumprimentos

Avatar do Utilizador
Netfobia
Reinado D.Pedro IV
Mensagens: 352
Registado: terça dez 26, 2006 6:10 pm
Localização: Vila Nova de Cerveira

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor Netfobia » domingo mar 05, 2017 1:53 am

numisiuris Escreveu:Eu não percebo nada das cunhagens da Índia. Estive a dar uma vista de olhos ao Aragão (foi a primeira vez que li algo do volume III) e apenas li a parte relativa ao período desta moeda. Fico sem perceber ao certo se estas moedas eram batidas a martelo, bigorna, cospel e troquel, como nas portuguesas até ao reinado de d. Pedro II? Alguém me explica isso?

Se forem batidas desta forma, aparecendo 3 iguais ao mesmo tempo, não acredito nelas... Estive a comparar e os cunhos são exactamente iguais.

Está uma na numismática leilões cujo cunho de reverso é diferente e cujo cunho de anverso apesar de parecer similar também me parece diferente. Deixo fotos de comparação com um dos 3 exemplares em questão no post:
Imagem
picture hosting
O motivo que me fazem crer que o cunho de anverso é diferente é a distância da última pérola da tiara ao G de portvg, bem como do diadema da tiara em si. Pela contagem do número de pérolas também me apercebo que as do post têm uma a mais.

O estilo parece-me em tudo semelhante.

Devíamos juntar exemplares genuínos para comparação. E verificar se nestes também se repetem cunhos de anverso e reverso. Vou dar uma vista de olhos aos leilões da numisma se tiver tempo.

Concordo com o zé no sentido de que às vezes o pânico se instala. Mas ele vem de quem lê e não de quem escreve. O número de moedas falsas no mercado é extremamente residual, comparado com o universo de moedas verdadeiras. Mas quando as moedas são raras deve-se desconfiar sempre e fazer um estudo. Juntar exemplares genuínos e comparar. Estar informado acerca do método de produção das cunhagens e saber distinguir entre os vários métodos. Neste sentido, a explicação do amigo monge acerca das diferenças entre as cunhagens, com balancé mecânico e a martelo, é excelente. Vai directa para os meus apontamentos!



Sendo um estudioso e acima de tudo curioso, gosto de aprofundar e claro acho este tema de um apetite intelectual insaciavel, logo fui ler exactamente o tomo III de Teixeira de Aragao, e reparei na descricao do pedido a lisboa pelo governador Pestana que requesitou e passo a citar

"...objectos necessarios para a continuar o trabalho na casa de moeda de GOA:
Obejctos Novos ou usados:
Cunho de parafuso com todos os seus pertences - um
Cilindros para reduzir o metal a chapas - um par.....


Sendo eu um leigo e novo nestas andancas das "supostas marteladas em 1846", presumo que nao seja este o metodo usado na altura, mas sim um balancé com uns cunhos muito toscos de epoca.

mas isso sou eu a divagar e espero que atendem a minha compreensao em estudar este assunto das marteladas em 1846 na india.

Cumprimentos

José Almeida
Reinado D.Afonso II
Mensagens: 2119
Registado: quinta mar 13, 2008 1:02 am
Localização: Maia / Porto - Sócio ANP Nº 1976 & Sócio SPN Nº 3592
Contacto:

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor José Almeida » domingo mar 05, 2017 8:12 am

Netfobia Escreveu:Sendo eu um leigo e novo nestas andancas das "supostas marteladas em 1846", presumo que nao seja este o metodo usado na altura, mas sim um balancé com uns cunhos muito toscos de epoca.



Faz todo o sentido esta informação.
Compro moedas, medalhas, notas, postais, selos etc . Contactos 914127863 / josealporto@hotmail.com

https://megaleiloes.pt/Josephus1967/loja - https://www.facebook.com/JoseAlmeidaNumismatica/

Avatar do Utilizador
Mmatos
Reinado D.Afonso VI
Mensagens: 660
Registado: segunda nov 08, 2004 4:35 pm
Localização: Lisboa/Caxias
Contacto:

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor Mmatos » domingo mar 05, 2017 12:17 pm

Depois de andar a comparar os diversos exemplares constantes das fotos, agarrei-me aos livros e PDFs que tenho em casa sobre a numária desta época e passo a expor o que apurei:

Os governantes da altura tinham plena consciência da má qualidade do numerário circulante e tanto o Governador Lopes de Lima (1840-1842) como o Governador Ferreira Pestana (1844-1851) solicitam a Lisboa maquinaria e outros utensílios que tiveram vários percalços no envio.

A Portaria 1570 de 29 de Nov. 1842 extingue a Casa da Moeda de Goa, tendo sido reaberta em 1845 sob o governo do 116º Governador da Índia portuguesa José Ferreira Pestana, que entre outras medidas reformadoras, tenta melhorar o fabrico da moeda (in Dinheiro Luso Indiano de J. Ferraro Vaz).
Se compararmos os exemplares anteriores a 1845 com os que foram cunhados a partir dessa data, existe um salto qualitativo gigante, que no entanto se virá a degradar nos reinados seguintes.
Mas passando ao que nos interessa, que é analisar os exemplares de Meio Pardau de 1846 constantes das diversas fotos apresentadas aqui e no outro Fórum, depois de comparar todos os anversos (lado do busto da rainha) chega-se à conclusão que a gravura e todos os pormenores (dimensão relativa das letras, localização espacial dos pontos que intercalam a legenda, busto da rainha) são exactamente iguais, incluindo no único exemplar que aparece de 1849. Chegando a este ponto, penso que será de questionar se nestas emissões de 1845 a 1849 não existiu algum progresso tecnológico tanto na execução dos cunhos como na cunhagem dos exemplares, que tenho muitas dúvidas que tenham sido cunhados a martelo, pois conforme consta no tomo III da “Descrição Geral e Histórica…” de Teixeira de Aragão, em 22 de Outubro de 1841, o Provedor da Casa da Moeda de Lisboa, respondia numa carta à rainha sobre um pedido de material para a Casa da Moeda de Goa que “quanto à remessa de uma das antigas fieiras abandonadas desta casa”, não o achar conveniente, pois “se não são piores, serão tão boas como as que lá têm” e propunha sim o envio de “um ou dois laminadores” bem como de “um banco de ajuste, saca bocados e máquina de serrilhar, e sobretudo gente que saiba trabalhar em fazer moedas”. Posteriormente o Governador Ferreira Pestana requisitou em 1848 a Lisboa "...objectos necessários para a continuar o trabalho na casa de moeda de GOA:
Objectos Novos ou usados:
Cunho de parafuso com todos os seus pertences - um
Cilindros para reduzir o metal a chapas - um par


Pelo exposto, penso que se pode concluir que as moedas que foram feitas depois da reabertura da Casa da Moeda de Goa em 1845 e pelo menos até 1849, foram executadas com recurso a maquinaria e não batidas a martelo como é costume considerar-se.

Voltando aos cunhos do anverso, constata-se que mesmo as moedas de datas diferentes, apresentam exactamente a mesma gravura e pormenores iguais, variando apenas a data, o que mais uma vez penso que prova o recurso a tecnologia mais avançada, nomeadamente uma matriz a partir da qual eram executados os cunhos e nos quais apenas se alterava a data.

Características comuns a todos os exemplares: o I de MARIA maior que as outras letras, o segundo I de II também é maior, o O de PORTUG é mais pequeno, a localização dos pontos na legenda é exactamente a mesma e a parte inferior do busto da rainha fica exactamente centrada com o M de MARIA.

Comparei o meu exemplar com o que vem no catálogo Alberto Gomes e usando uma lupa é possível ver que aqueles pequenos defeitos entre a parte de trás do pescoço da rainha e a letra E de REGINA existem em ambas as moedas.

Em relação à moeda em minha posse, tem as seguintes características:
Diâmetro - 18 mm
Peso – 2,74 g

No livro Dinheiro Luso Indiano de J. Ferraro Vaz, que também é preçário, os exemplares de 1846 são menos valorizados do que os das outras datas, o que vem indicar que seriam mais abundantes.
Última edição por Mmatos em terça jul 04, 2017 3:17 pm, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador
numisiuris
Reinado D.Manuel I
Mensagens: 1121
Registado: sexta abr 11, 2014 7:07 am

Re: India Meio Pardau 1846 D. Maria II

Mensagempor numisiuris » domingo mar 05, 2017 2:47 pm

O que me parece, da comparação, é que os elementos, sendo iguais, foram batidos autonomamente no cunho. Ou seja, no anverso, busto e legendas separadamente e, no reverso, marquilha e coroa também separadamente. Reparem, no anverso, na posição relativa da base do pescoço em relação ao "M" da legenda e na posição relativa da extremidade da tiara em relação ao "G" da legenda. No reverso reparem na posição relativa do "M" em relação às folhas da coroa. Ou seja, duas matrizes autónomas em cada cunho.

Cunhos de parafuso sugerem-me cunhagem em balancé. Sendo assim esta levada será toda verdadeira.


Voltar para “Índia”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante