Fórum Numismática

Lugar de convívio de colecionadores de moedas, notas e outros artigos
Data/Hora: segunda jul 23, 2018 4:21 am

Hora UTC




Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 16 mensagens ]  Ir para a página Anterior 1 2
Autor Mensagem
MensagemEnviado: sábado out 23, 2010 7:03 pm 
Desligado
Reinado D.Miguel

Registado: domingo set 30, 2007 11:37 pm
Mensagens: 325
O racionamento de vários géneros existiu em Portugal entre 1942 e (na maior parte) 1953.

Inicialmente deveu-se ao racionamento de importações que os nossos "velhos aliados" britânicos impuseram a Portugal, por força da Royal Navy, em 1940, para evitar possíveis re-exportações de portugal para a Alemanha. Com a adesão dos EUA a esta política, em 1942, o governo português foi forcado a impor o racionamento de bens à sua população. O famoso comércio do volfrâmio (e não só) com a Alemanha foi na realidade o último recurso deixado a Portugal para conseguir produtos industriais fora do sistema de racionamento de importações imposto pelos aliados - mais do que o "ouro nazi", era procurado aço, equipamento industrial, material de transporte e comida.

O final da II Guerra Mundial devia resolver o problema. Mas outros surgiram. O racionamento de exportações por parte dos países capazes de abastecer Portugal continuou: da Europa devido ao esforço de reconstrução do pós-guerra. Dos EUA como alavanca de pressão política, que acabou por ser explicitamente exercida através do Plano Marshal, após a crise de défice comercial europeia de 1947.
O esforço de reconstrução levou a défices comerciais em todos os países da Europa, essencialmente a favor dos EUA, única grande potência industrial intocada pela guerra. Os vários países europeus em reconstrução, para combater os seus défices comerciais, restringiram as importações de bens não essenciais. Ora estes eram os mercados para onde portugal exportava, e exportava essencialmente bens desta nesta categoria. Portanto também a balança comercial portuguesa ficou numa posição insustentável a médio prazo.

Em 1947-48 toda a Europa ocidental sofreu um ano agrícola desastroso, aumentando ainda mais a dependência das exportações americanas. Nesta altura os EUA impuseram o plano Marshall, que incluia mesmo um mecanismo de quotas de exportação pensado para forçar os vários países europeus a aderir ou arriscar perderem de todo a possibilidade de importarem produtos americanos. Devido a resistências do governo português (que inevitavelmente acabou por capitular) só se iniciaram as importações de produtos e empréstimos para Portugal em 1950. Assim, os anos 1947-48 acabaram por ser piores do que os da guerra (ou talvez, digamos, tão maus como os de 44-45).

Um curiosidade: ainda não nos vimos livres da Intendência Geral dos Abastecimentos - foi mudando de nome e agora chama-se... ASAE!


Topo
   
MensagemEnviado: sábado out 23, 2010 8:29 pm 
Desligado
Reinado D.José
Avatar do Utilizador

Registado: domingo mai 06, 2007 12:39 pm
Mensagens: 500
Localização: Porto
A minha avó também ia para as filas com isso. Confirmou-me a minha mãe :D


Topo
   
MensagemEnviado: quarta out 27, 2010 3:08 pm 
Desligado
Reinado D.Afonso II
Avatar do Utilizador

Registado: domingo ago 09, 2009 5:28 pm
Mensagens: 2364
Localização: Torres Vedras
Documento muito interessante sem duvida. Sempre ouvi falar nisso mas também nunca tinha visto nenhuma destas senhas.
Obrigado amigo José Matos por partilhar, este interessante documento!

Um abraço, :green:

_________________
Valdemar Pereira

As minhas Vendas! viewtopic.php?f=25&t=117756


Topo
   
 Assunto da Mensagem: Re:
MensagemEnviado: quarta out 27, 2010 4:17 pm 
Desligado
Reinado D.Sancho I

Registado: domingo fev 22, 2009 6:01 pm
Mensagens: 2753
Localização: Lisboa
mario_numis Escreveu:
Caro José Matos, devo-lhe uma explicação.......... os meus poucos comentários às extraordinárias peças que normalmente apresenta, é mesmo por isso, elas são tão extraordinárias que não necessitam comentários.



Cumprimentos
Nuno Brito

_________________
Melhores Cumprimentos
Nuno Brito


E Pluribus Unum

gallery/album.php?album_id=362


Topo
   
MensagemEnviado: quarta jun 27, 2012 2:34 pm 
Desligado
Sou só um euro caloiro

Registado: quarta jun 27, 2012 2:14 pm
Mensagens: 1
Caro José Matos,

Faço parte de uma equipa de investigação do Instituto Paulo Freire de Portugal da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto. Estamos a trabalhar para Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura na publicação de 5 livros.
Estamos muito interessados em usar as imagens da senhas de racionamento que colocou no fórum, numa das publicações.
Como o poderíamos fazer? Em que condições as poderíamos utilizar?
Tem um contacto directo que nos possa dar?

Cumprimentos,

Francisco Neves (telm: 961845594; email: franciscocoelhoneves@gmail.com)
Instituto Paulo Freire de Portugal
FPCEUP


Topo
   
MensagemEnviado: sexta jun 29, 2012 12:46 am 
Desligado
Reinado D.Afonso Henriques

Registado: segunda abr 04, 2005 11:31 am
Mensagens: 4334
Localização: Barcelos - Portugal
Caro Francisco Neves

Obrigado pelo interesse manifestado. Pode utilizar as minhas imagens diretamente do fórum ou por estes links a seguir:

http://img265.imageshack.us/img265/5497/senha1lw2.jpg
http://img183.imageshack.us/img183/8115/senha2zh4.jpg

Cumprimentos,

_________________
José Matos


Topo
   
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 16 mensagens ]  Ir para a página Anterior 1 2

Hora UTC


Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 4 visitantes


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Limited
Traduzido por: phpBB Portugal