Fórum Numismática

Lugar de convívio de colecionadores de moedas, notas e outros artigos
Data/Hora: sexta dez 14, 2018 12:27 pm

Hora UTC




Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 2 mensagens ] 
Autor Mensagem
MensagemEnviado: quinta mar 30, 2017 7:27 pm 
Desligado
Reinado D.José
Avatar do Utilizador

Registado: quinta set 02, 2010 2:07 pm
Mensagens: 529
Localização: Curitiba - Parana - Brasil
[size=120][b]
Desde que comecei a frequentar rodas de numismática, ouço falar de cédulas com numeração duplicada. Sempre ouvia comentários, que tal pessoa tinha uma, que outra pessoa tinha visto outra, mas nunca cheguei a pegar uma em mãos ou mesmo ver imagens de alguma. Era como a história do Boitatá, sempre tinha alguém que conhecia alguém que tinha visto, garantiam ser verdade, mas nunca aparecia uma para ver ao vivo. Não ao menos para mim.

Sempre fui um pouco cético então, seriam falsas feitas por terceiros, algum tipo de borrão que deixou um número parecido, ou falha na tinta ? Algo assim foi o que sempre imaginei, fogos-fátuos da numsimática.

Mas não é que o Boitatá existe? E ainda não é só um, são 10 diferentes!

Nesta venda entre associados da SNP de Abril de 2017, apareceram 10 cédulas com numeração duplicada de uma vez. Vão do Cruzeiro de 1950 até uma do Real.

Me informaram que é de uma coleção de Brasília que veio ao mercado. Abaixo algumas delas :

Imagem

Imagem

Imagem

Com as cédulas aparecendo, vem a pergunta : Como isso aconteceu ?

Vieram muitas explicações. As mais antigas, numeradores mecânicos travaram (a mesma assinatura na de 10 cruzeiros indica que estavam mesmo no mesmo lote) faltas de energia faziam o mesmo número duplicar, e até que seriam peças feitas de propósito.

Bem, sabe-se lá como apareceram, a questão é que elas estão ai e são bem interessantes.

Deixo as imagens para os colegas, para que possam dizer que já viram também.

Abraços.


Topo
   
MensagemEnviado: quinta mar 30, 2017 8:18 pm 
Desligado
Reinado D.Afonso Henriques
Avatar do Utilizador

Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Mensagens: 10380
Localização: S. João do Estoril - Lisboa
A aposição do chamado, em Portugal, "texto complementar" (data, Chapa, série e numeração, chancelas do Governador e dos Directores/Administradores) era feita noutra máquina, tipograficamente. Era uma autêntica cunhagem, muito visível nas notas mais antigas e muito apreciadas pelos apreciadores, pois pode servir para avaliar se uma nota foi prensada, ou não.
Nestas notas brasileiras o tal "texto complementar" é mais reduzido e será constituído pelas legendas a vermelho, na primeira nota, ou seja, "Estampa 2ª série 71ª", "Nº 082103", em repetição. Cada legenda destas, por exemplo o Nº tem um sistema próprio constituído por carretos em que o das unidades vai aumentando a cada impressão. É aqui que pode ocorrer uma falha, o carreto não avança o suficiente e repete o número.
Já vi um caso ou dois em notas emitidas pelo Banco Nacional Ultramarino e Alves Reis referiu que também apareceram numerações duplicadas nas suas notas. No processo judicial deste caso Alves Reis existem notas triplicadas.

_________________
Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões


Topo
   
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo Tópico  Responder a este Tópico  [ 2 mensagens ] 

Hora UTC


Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
Desenvolvido por phpBB® Forum Software © phpBB Limited
Traduzido por: phpBB Portugal