Porque as capicuas

Estados de conservação, artigos, apontamentos, dúvidas e outros assuntos sobre a notafilia

Moderadores: VMNV, José Duarte, Moderador de Honra

Mensagem
Autor
Avatar do Utilizador
tm1950
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 10602
Registado: sexta nov 05, 2004 10:15 pm
Localização: S. João do Estoril - Lisboa

#11 Mensagem por tm1950 » terça nov 30, 2004 10:54 pm

O nº 27564 foi escolhido quase ao acaso, tendo tido apenas a preocupação de não repetir algarismos e seleccionar pares e impares.
Quando digo que “o 27564 é mais raro do que as capicuas possíveis”, estou a comparar o 27564 com os milhares de capicuas existentes nos 100.000 números que estão em causa (de 00000 a 99999). Por isso digo que nos 100.000 números há apenas um “27564” e muitas capicuas.
No entanto, e no mesmo estado de conservação, eu prefiro qualquer uma das capicuas possíveis.
E estou disposto a pagar por essa preferência.

Os números 27564, ou o 23945 do Vítor Santos, pertencem ao conjunto dos números ao que vou chamar de “opacos”, em oposição aos “brilhantes” que são as capicuas.
Estes dois universos: dos opacos e dos brilhantes, têm dimensões diferentes, sendo muito mais vasto o universo dos opacos.
Assim sendo, a probabilidade de, no Multibanco, me saírem números opacos é muito maior que a probabilidade de me sair uma capicua.
Embora não exista vício algum neste raciocínio, pode prejudicar a comparação que foi feita acima.

Existem ainda outros números bonitos. Pedro Barbot referiu alguns. Um, em especial, trouxe-me uma recordação recente. Tive na mão um conjunto de notas que pertenceram a um Governador do BP. Todas, ou quase, tinham a numeração 00001, ou 00002. Ele também foi Vice-governador e por isso apanhou algumas 00002.
A nota mais importante era a de D. Diniz. As notas não circularam, mas estavam todas dobradas a meio e com algumas mazelas suplementares de mau manuseamento.
Depois de longa hesitação não comprei.
Teria tido necessidade de um empurrão do Pedro Barbot.


Celso.
Saúde e Fraternidade.
Os meus leilões

brizidaviana
Reinado D.José
Mensagens: 534
Registado: terça nov 30, 2004 12:15 am
Localização: Lisboa

Outros numeros

#12 Mensagem por brizidaviana » quarta dez 01, 2004 11:22 am

Tal como na procura de uma data de nascimento no número pi , nas notas podemos procurar esse números, por exemplo o nº27564 pode interesar a uma pessoa que nasceu em 27 de maio de 1964, ou ser uma data importante. Por exemplo no outro dia tive uma nota de 5€ que os 4 últimos digitos eram os últimos 4 digitos do meu nº de telefone. Mas um nº bastante interessam-te que eu gostava de apanhar seria o nº 09031980

numisgaia
Reinado D.José
Mensagens: 507
Registado: domingo nov 07, 2004 6:56 pm
Localização: Vila Nova de Gaia
Contacto:

#13 Mensagem por numisgaia » quarta dez 01, 2004 1:24 pm

PBarbot Escreveu:Determinado nº, seja ele qual for é mais raro que uma capicua.:)
Amigo Pedro desculpe! Essa afirmação está completamente errada.
O grau de raridade é precisamente igual seja qual for o número (as capicuas são números, como qualquer outro número, são todos diferentes...)



GAUSS, dizia que a Matemática era a rainha das ciências, e a Aritmética, a rainha das Matemáticas.

"Os números governam o mundo. "
Pitáguras
Alberto Santos :thumb:
A ignorância não é contagiosa, não é um mal, nem é um castigo.
Combate-se APRENDENDO
"Da discussão nasce a luz”

http://www.numisgaia.com

numisgaia
Reinado D.José
Mensagens: 507
Registado: domingo nov 07, 2004 6:56 pm
Localização: Vila Nova de Gaia
Contacto:

#14 Mensagem por numisgaia » quarta dez 01, 2004 1:30 pm

Digo!
PITÁGORAS, esse sábio matemático que me desculpe do "U"
Alberto Santos :thumb:
A ignorância não é contagiosa, não é um mal, nem é um castigo.
Combate-se APRENDENDO
"Da discussão nasce a luz”

http://www.numisgaia.com

errecart
Reinado D.Carlos
Mensagens: 116
Registado: segunda nov 15, 2004 10:31 pm
Localização: Mar del Plata - Argentina
Contacto:

posible aporte

#15 Mensagem por errecart » quarta dez 01, 2004 1:40 pm

Hola:

Sólo como un posible aporte desde una lógica deductiva:

Los capicúas son más escasos (menos) que los no capicúas.

La numismática (en este caso la notafilia), en general da valor a lo más escaso (lo que menos hay).

Por tanto los capicúas serían más valiosos.

Un saludo cordial

errecart
Magister Jorge Horacio Fraga Errecart
Avda. Estrada 6435 (7600)
Mar del Plata - Buenos Aires
Argentina
Visite la página del coleccionista numismático http://www.angelfire.com/magic/monedas
y sea miembro de Coleccionistas http://coleccionistas.ning.com

Avatar do Utilizador
PBarbot
Reinado D.Filipe I
Mensagens: 873
Registado: sexta nov 05, 2004 10:23 pm
Localização: Srª da Hora

#16 Mensagem por PBarbot » quarta dez 01, 2004 2:21 pm

Vamos imaginar uma sequencia de numeros de 000001 a 999999.
Nesta sequencia só existe um nº 097654 e existem muitas capicuas.
Se disserem que só fazem um determinado nº de capicua, imaginemos o 122221, então a dificuldade é a mesma.

Continuo a afirmar (e estou totalmente certo) que é mais comum uma capicua do que um determinado numero. :zunge:

errecart
Reinado D.Carlos
Mensagens: 116
Registado: segunda nov 15, 2004 10:31 pm
Localização: Mar del Plata - Argentina
Contacto:

#17 Mensagem por errecart » quarta dez 01, 2004 2:32 pm

Sí, tienes razón en tanto y en cuanto nos atengamos al punto de vista del observador (en este caso el coleccionista).

Para usar términos matemáticos:

Si usamos los números como elementos individuales sería tan valioso un número capicúa como un número no capicúa.

Por otra parte.

Si usamos la teoría de conjuntos, el conjunto de los capicúas será menor al conjunto de los no capicúas.
Por tanto los capicúas serían más valiosos.

Como todo en numismática, no hay verdades absolutas.
Los valores dados son relativos al coleccionista o al grupo de coleccionistas.

Un saludo cordial

errecart
Magister Jorge Horacio Fraga Errecart
Avda. Estrada 6435 (7600)
Mar del Plata - Buenos Aires
Argentina
Visite la página del coleccionista numismático http://www.angelfire.com/magic/monedas
y sea miembro de Coleccionistas http://coleccionistas.ning.com

Avatar do Utilizador
Luis Nobrega
Reinado D.Afonso Henriques
Mensagens: 5307
Registado: sábado nov 06, 2004 12:55 am
Localização: Funchal
Contacto:

#18 Mensagem por Luis Nobrega » quarta dez 01, 2004 4:57 pm

PBarbot Escreveu:Vamos imaginar uma sequencia de numeros de 000001 a 999999.
Nesta sequencia só existe um nº 097654 e existem muitas capicuas.
Se disserem que só fazem um determinado nº de capicua, imaginemos o 122221, então a dificuldade é a mesma.

Continuo a afirmar (e estou totalmente certo) que é mais comum uma capicua do que um determinado numero. :zunge:
Hoje vou ter o prazer de discordar com o Pedro!!! :respekt:

Acho isso completamente errado...
Essa conclusão só pode ser certa se compararmos a nota com o número 097654 com todas capicuas possiveis...
Mas qual é a diferença de raridade entre a capicua 097790 e a nota com o número 097654??? :) Nenhuma...
Mas talvez seja mais interessante ter a capicua que a outra!

Já agora Pedro... visto que as uma nota não é mais rara que a outra...
Qual é que preferia ter na colecção?
A nota 097654 ou a capicua 222222??? :bgdev:

numisgaia
Reinado D.José
Mensagens: 507
Registado: domingo nov 07, 2004 6:56 pm
Localização: Vila Nova de Gaia
Contacto:

#19 Mensagem por numisgaia » quinta dez 02, 2004 10:46 am

PBarbot Escreveu:Vamos imaginar uma sequencia de numeros de 000001 a 999999.
Nesta sequencia só existe um nº 097654 e existem muitas capicuas.
Se disserem que só fazem um determinado nº de capicua, imaginemos o 122221, então a dificuldade é a mesma.

Continuo a afirmar (e estou totalmente certo) que é mais comum uma capicua do que um determinado numero. :zunge:
Eu estou totalmente certo!....

Não podemos comparar um determinado número, com o conjunto de números palindrómicos "capicuas", teríamos que aplicar a "teoria dos conjuntos", e aí teríamos que, o conjunto de números é maior que o conjunto de palindrómicos "capicuas"

Por vezes tentamos comparar o incomparável.
Cá fica esta comparação!
É mais difícil adquirir, "AS OBRAS-PRIMAS DE MESTRES" que "AS PRIMAS DE MESTRES D'OBRAS"
Esta até dá para rir: :erofl :erofl :erofl

Alberto Santos :thumb:
A ignorância não é contagiosa, não é um mal, nem é um castigo.
Combate-se APRENDENDO
"Da discussão nasce a luz”

http://www.numisgaia.com

Avatar do Utilizador
PBarbot
Reinado D.Filipe I
Mensagens: 873
Registado: sexta nov 05, 2004 10:23 pm
Localização: Srª da Hora

#20 Mensagem por PBarbot » quinta dez 02, 2004 11:08 am

Acho isso completamente errado...
Essa conclusão só pode ser certa se compararmos a nota com o número 097654 com todas capicuas possiveis...
Mas foi sempre essa a comparação feita.
Não podemos comparar um determinado número, com o conjunto de números palindrómicos "capicuas", teríamos que aplicar a "teoria dos conjuntos", e aí teríamos que, o conjunto de números é maior que o conjunto de palindrómicos "capicuas"
Quem é que me proibe de fazer uma comparação dessas????????????

Responder

Voltar para “Assuntos didácticos”